logotipo joao daniel

João Daniel faz chamado para ato do Dia do Trabalhador Rural: “Dia de lutar pelos direitos do povo do campo”

Na próxima segunda-feira, 25 de julho, camponeses, assentados e militantes da Reforma Agrária, junto aos trabalhadores da cidade, se reunirão em Aracaju para a esperada Marcha Estadual do Dia do Trabalhador e da Trabalhadora Rural. Com o tema “Por um Plano Estadual de Agricultura Camponesa, Familiar e Pela Reforma Agrária”, a marcha retorna ao calendário dos movimentos sociais e sindicais depois de uma pausa de dois anos por causa da pandemia de Covid-19.

O deputado federal João Daniel (PT-SE), que tem como compromisso em seu mandato popular e em sua vida, a luta pelos camponeses, possui a tradição de participar da marcha junto aos trabalhadores.

Para João, a expectativa para este ano é grande. “Este encontro é uma oportunidade de se fazer uma grande mobilização popular por causas que eu cresci defendendo. Estar rodeado de pessoas que, incansavelmente, vivem na esperança e na batalha de uma condição melhor de vida, que cuidam da terra de maneira exemplar, é uma honra. A volta da marcha este ano promete muitas emoções”, disse o deputado.

Estarão mobilizando a marcha deste ano: o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST); a Cáritas Brasileira Regional Nordeste 3; a Rede Sergipana de Agroecologia; o Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA); o Movimento Camponês Popular (MCP), a Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Sergipe (Fetase) e a Central Única dos Trabalhadores (CUT).

João Daniel fez um chamado à população para este ato. “Sergipe tem conseguido fazer uma das maiores mobilizações de luta agrária do país com esta marcha. Vamos juntos caminhar por um Plano Estadual de Agricultura Camponesa, Familiar e Pela Reforma Agrária. Vamos ocupar as ruas!”, completou.

A concentração da marcha está marcada para acontecer na Praça da Bandeira, às 8h30 da segunda-feira.

Ascom João Daniel

Mais notícias